domingo, 14 de março de 2010

The Arrivals Gate



Vou sair e ir para os portões de chegada do aeroporto.
Ficar sentada lá durante todo o dia a observar pessoas se reencontrando,
demonstrações de afeição em público são estimulantes!
Até fazem dos aeroportos lugares agradáveis.
Observando crianças correndo com seus braços estendidos,
apenas para atirá-los em volta dos pescoços de seus avós.
Observando amantes plantarem beijos, senhores e suas senhoras,
nos portões de chegada.
Ani diFranco

Portões - Analogias com a vida,
chegadas, despedidas, instantes,
segredos, imaginar...

5 comentários:

Manifesto Interno disse...

Querido amigo..

Que bom reencontrá-lo!!!
Nosso aeroporto é a internet, e o sentimento é o mesmo,

obrigada por me recepcionar com o mesmo carinho de sempre!

Bjs,

Ester.~

tossan disse...

Já fiz isso e vou fazer de novo, mas desta vez levarei a minha digital. Ótimo texto! Abraço

Solange Maia disse...

gosto desses encontros, desses momentos, desses portões...

levaria um bloco e um lápis....

beijo grande

Dois Rios disse...

Oi, Paulo!

Interessante esse texto! De fato é no aeroporto que presenciamos as mais variadas manifestações de afeto.
São nas chegadas e partidas que o amor se faz visível.

Beijos, meu querido!
Inês

Maria disse...

Sabe, acho que vou já a um aeroporto. rs

Demosntrações de carinho são sempre lindas. E assim de graça, então...

Um beijo